A configuração de campanhas de AdWords é algo bastante acessível para qualquer um. Basta ativar uma conta na ferramenta e começar a fazer anúncios. Mas não é porque o acesso é mais fácil que tudo vai dar certo com a mesma facilidade. Publicidade online demanda atenção, conhecimento e uma série de cuidados.

Quem não conhece muito sobre o AdWords ou até mesmo quem já tem uma certa experiência pode cometer diversos erros que prejudicam o sucesso de uma estratégia. E isso muitas vezes ocorre porque o usuário não pesquisou mais sobre o assunto para saber como utilizar a ferramenta da melhor maneira.

Falhas no marketing digital podem significar um desperdício de dinheiro que poderia ter sido facilmente evitado. Pensando nisso, listamos alguns exemplos de erros normalmente cometidos em campanhas de AdWords e vamos te mostrar como evitá-los.

Erro 1. Utilizar apenas uma variação de anúncio nos grupos da campanha

Em campanhas de AdWords, realizar testes para ver qual opção dá mais certo é algo fundamental. Um erro que muitos cometem é ignorar esse ponto e criar apenas um anúncio, achando que só isso já é suficiente.

Quando você utiliza apenas um ad, a porta fica aberta para resultados insatisfatórios surgirem e você não terá um parâmetro para identificar isso. É preciso criar mais de uma opção por grupo, pelo menos 3. Assim você pode compará-los e verificar o que dá mais retorno.

Diferencie os anúncios alterando títulos, descrições, CTAs e outros detalhes. Analise-os regularmente para determinar quais estão se saindo melhor e pause os estiverem com baixo desempenho.

Erro 2. Não utilizar as opções de correspondência de palavra-chave corretamente

Os tipos de correspondência de palavra-chave servem para controlar melhor quais pesquisas devem ativar seus ads. Eles ajudam a delimitar melhor os termos que você deseja que levem para seus ads. Quando eles não são utilizados, a campanha é direcionada para um público mais amplo, porém isso pode fazer com que ela seja menos relevante para os usuários que a visualizam.

Existem 5 opções de correspondência no AdWords:

  • Correspondência ampla – seus anúncios irão aparecer para pesquisas que incluam sinônimos, variações relevantes e versões com erros ortográficas das palavras-chave que você escolheu. Se você não utilizar nenhuma outra correspondência, esse é o formato padrão para as campanhas
  • Modificador de correspondência ampla – os anúncios aparecem apenas para variações mais próximas das suas palavras-chave, como plural e singular, abreviações e variações do mesmo radical. Não aparecem para sinônimos e termos relacionados
  • Correspondência de frase – os anúncios aparecem para pesquisas que utilizem a frase exata que você escolheu, mesmo que tenham outras palavras antes ou depois dela.
  • Correspondência exata – os anúncios só irão aparecer para quem pesquisou exatamente pela sua palavra-chave ou por variações aproximadas, desde que não tenha nenhum outro termo na pesquisa
  • Correspondência negativa – são os termos para os quais seus anúncios não serão exibidos, as palavras-chave negativas.

Não é errado utilizar a correspondência ampla, mas você deve levar em conta os objetivos da sua campanha e o comportamento de pesquisa da sua persona. Muitas vezes vai ser necessário utilizar campanhas menos abrangentes para fazer com que os anúncios apareçam para um público mais qualificado.

Erro 3. Não utilizar palavras-chave negativas

Palavras-chave negativas são termos de pesquisa que você deseja que não guiem o usuário para seus anúncios. Elas servem para cortar expressões que possam ser confusas ou que não estejam relacionadas ao seu negócio.

Por exemplo, sua empresa pode ser uma loja de roupas masculinas que comercializa diversas categorias, mas não vende roupas esportivas. Na sua campanha de AdWords, você provavelmente terá alguns anúncios focados na palavra-chave “roupas masculinas”. Se você não utilizar nenhuma palavra-chave negativa, seus ads podem aparecer também para pessoas que busquem por “roupas esportivas masculinas”, o que vai render visitas não-qualificadas para seu site. Nesse caso, seria necessário colocar o termo “esportiva” como palavra-chave negativa.

Não demarcar nenhuma expressão como negativa pode acabar fazendo com que seus anúncios apareçam para pessoas que não vão se interessar pelos seus produtos. Ou seja, é dinheiro perdido.

Portanto, utilize palavras-chave negativas sempre que possível. É possível adicioná-las em grupos de anúncios, campanhas ou até mesmo para toda a sua conta no AdWords.

Erro 4. Não mensurar resultados e não confiar nos números

Em qualquer estratégia de marketing digital, você pode e deve mensurar os resultados. Só assim você poderá analisar o retorno que sua campanha está gerando e se há algo que precisa ser modificado ou melhorado.

Um erro grave em campanhas de AdWords é não conferir os números gerados pelos anúncios. Você precisa analisar a taxa de cliques e de visualização, como está a conversão e tudo mais. Com isso você identifica quais ads estão gerando um resultado melhor e quais precisam ser otimizados ou pausados. Deixar de mensurar os resultados pode fazer com que você ignore anúncios que estão rodando e não dão um bom retorno, te fazendo gastar dinheiro.

Outro erro é confiar apenas na sua criatividade e ignorar os números. Você pode achar que criou um anúncio superatrativo, mas, se os resultados não confirmam isso, não adianta muito. Portanto, sempre realize testes com ads diferentes e verifique o retorno de cada um deles.

Erro 5. Evitar utilizar a marca como palavra-chave

Muita gente acha que não é necessário utilizar o nome da empresa como palavra-chave no Google AdWords. Fazem isso por achar que já é suficiente a pessoa pesquisar por isso e encontrar o site de forma orgânica. Mas você pode estar perdendo conversões por isso.

Quanto mais você promover sua marca, mais forte será sua presença online. Isso inclui atuar em canais diferentes. Aparecer em resultados orgânicos e pagos para o nome da sua empresa aumenta a quantidade de formas que uma pessoa pode acessar seu site e também as chances de conseguir cliques. Isso acontece porque o público confia mais em marcas mais fortes.

 

ebook_manual-seo-para-google-shopping

 

Erro 6. Segmentar o público incorretamente em campanhas de AdWords

O Google AdWords oferece diversas opções de segmentação. É possível fracionar o público, por exemplo, por regiões geográficas e demográficas, por interesses, dispositivos e canais. Isso tudo serve para direcionar melhor seus anúncios para pessoas que realmente possam se interessar por eles.

Um erro em campanhas de AdWords é achar que a segmentação só serve para limitar a quantidade de pessoas que visualiza os ads e que é melhor aparecer para todo mundo. Isso significa ignorar um dos princípios básicos da publicidade online bem-sucedida, que é de fazer com que seu conteúdo apareça para o cliente certo.

Focar em um público muito abrangente faz com que sua empresa gaste muito mais dinheiro e tenha chances menores de conseguir cliques. Portanto a taxa de retorno é muito menor. Você deve utilizar as opções de segmentação para qualificar melhor seus anúncios e atingir pessoas relevantes.

Erro 7. Utilizar muitas palavras-chave de má qualidade

O AdWords oferece a opção de verificar o índice de qualidade das palavras-chave que você utiliza em suas campanhas. Você precisa ficar de olho nisso para garantir que seus anúncios sejam considerados relevantes pela ferramenta.

Ao configurar a campanha, muita gente erra colocando o máximo de palavras-chave que conseguir dentro dela. Isso pode prejudicar o valor dos seus ads e baixar o rendimento deles. A prática ideal é focar em termos mais relacionados com seu negócio e que possuam um índice de qualidade acima de 7. Certifique-se também de que elas aparecem no conteúdo dos anúncios e na URL de destino.

Anúncios que o Google considera que possuem mais qualidade para o usuário alcançam posições melhores nos resultados.

Erro 8. Deixar a campanha incompleta e sem extensões

Os recursos que o AdWords oferece são vastos e você precisa utilizá-los ao máximo para ter melhores resultados. É possível seguir com uma campanha que não utilize muitos recursos, mas isso é o mesmo que ter um trabalho incompleto.

As extensões são ótimas ferramentas à sua disposição. É possível adicionar sites, links, endereço, telefone de contato, acesso a um aplicativo e muito mais. Isso faz com que seus anúncios sejam mais relevantes, atraentes e confiáveis para o usuário.

Agora que você já sabe quais os principais erros que devem ser evitados na publicidade online, que tal então aprender como avaliar as suas campanhas de AdWords de maneira correta?