Você já reparou que, muitas vezes, após pesquisar um produto ou serviço na internet, esse mesmo item parece te perseguir enquanto você está online? Parece mágica, mas não é: isso é o que chamamos de remarketing dinâmico.

Para entender melhor o que é, como funciona e como você pode utilizar o remarketing dinâmico para melhorar as vendas da sua empresa, confira as dicas a seguir! 

O que é remarketing dinâmico

remarketing consiste em mostrar seus anúncios para pessoas que já entraram em seu site. Já o dinâmico é uma forma ainda mais personalizada de se fazer marketing. Com essa estratégia, você pode mostrar para o consumidor um produto ou serviço que ele já procurou e visualizou em seu site, aumentando a probabilidade de ele finalizar a compra. São consumidores extremamente qualificados pois já demonstraram interesse pelo item em questão.

Como configurar o remarketing dinâmico

O remarketing dinâmico foi criado para melhorar a taxa de retorno dos anúncios. Para usá-lo, é necessário primeiramente criar  um feed com seus produtos ou serviços na plataforma do Adwords. As informações do feed devem ser colocadas na seção “Dados da Empresa” de sua conta. No caso de varejistas, deve ser feito primeiramente um upload da lista dos produtos no Google Merchant Center. Esta ferramenta facilita o envio dos dados da empresa que poderão ser utilizados em diversos produtos do site, como o Google Shopping e o remarketing dinâmico.

Após criar a lista, é preciso adicionar uma tag de remarketing ao site — você encontrará esta tag em sua conta do Google AdWords, na seção “públicos-alvo” da biblioteca compartilhada da plataforma. 

Os anúncios devem ser criados na Galeria de Anúncios do Google Adwords. Durante a criação, é necessário escolher a opção “Anúncios Dinâmicos”, na plataforma. Os mesmos poderão ser então mostrados em toda a rede de display do Google, ou seja, em todos os milhares de sites parceiros do buscador ao redor do planeta.

Para personalizar o anúncio a um cliente, o algoritmo do Google, utiliza as imagens do Google Shopping, cadastradas por você, assim é possível passar ao consumidor a mensagem com o produto ou serviço desejado.

Para a campanha começar a funcionar, no entanto, é preciso que a lista de remarketing tenha, ao menos, 1.000 visitantes.

 

Manual-seo

 

Como funciona

Sempre que alguém entrar no site a tag de remarketing instalará um Cookie no navegador deste usuário e essa pessoa entrará na lista de remarketing. A partir daí, a plataforma será capaz de identificar e segmentar os consumidores de acordo com seu comportamento dentro do site. Assim, informações como os produtos ou serviços visualizados, o tempo que o consumidor levou em cada página e até em que ponto da compra ele chegou são utilizados para criar anúncios dinâmicos e personalizados.

Para escolher qual anúncio será exibido — o seu ou o do seu concorrente — e em qual ordem, o sistema realiza leilões todas as vezes que um site que tenha espaço para anúncios é carregado. O lance que você definiu para sua campanha e o índice de qualidade de sua conta são os principais influenciadores deste resultado.

Você pode separar o consumidor em listas de remarketing de acordo com características específicas, como o tipo de produto buscado ou o ponto em que a compra foi abandonada, por exemplo. Para criar as listas é necessário ir em “Público alvo”, dentro da biblioteca compartilhada do Google Adwords. O próximo passo é escolher a opção “visitantes do website”. Após esta etapa clique em “+Lista de remarketing” e siga as instruções.

Quando utilizar

O uso do remarketing dinâmico é mais indicado em sites onde exista uma variação grande de produtos ou serviços, como e-commerces, sites de compras coletivas ou de passagens aéreas, pois há de fato um produto e preço específicos a serem mostrados para aqueles que o visitaram. Porém pode ser utilizado em qualquer site que tenha um bom feed de produtos.

Para aqueles que não possuem um feed de produtos, é possível utilizar o remarketing para fazer com que o usuário se lembre da marca. No entanto, neste caso, só será possível utilizar o remarketing comum para mostrar anúncios da sua empresa a pessoas que já visitaram seu site.

Cuidados ao aplicar o remarketing

Quando utilizado de forma desmedida, o remarketing se torna cansativo e, muitas vezes, chega até mesmo a irritar o consumidor, criando uma experiência negativa com a marca. É importante atentar-se para que a frequência de exibição do anúncio não seja muito alta. Ou seja, o mesmo anúncio não deve ser mostrado para a mesma pessoa muitas vezes ao dia. Não existe, no entanto, uma frequência ideal, mas deve-se utilizar o bom senso neste caso.

É importante conhecer também o tempo médio que seu público leva para tomar a decisão de compra. Com essa informação, você poderá definir lances e separar seu orçamento para impactar os consumidores de acordo com o momento de cada um deles no funil de compra. Afinal, uma pessoa que foi até o carrinho de compras está mais propensa a comprar seu produto do que alguém que apenas visitou a home do seu site. 

Vantagens do uso

Existem diversos estudos que mostram que o consumidor não costuma finalizar a compra na primeira visita ao site: a maior parte das pessoas faz uma pesquisa de mercado antes de adquirir o produto ou serviço. Sendo assim, lembrar ao cliente em potencial da sua marca e mostrar seu diferencial poderá ser decisivo.

Com o uso do remarketing dinâmico, é possível ainda criar promoções personalizadas. Você pode dar desconto para uma pessoa que está procurando o seu produto de acordo com o interesse dela. A promoção pode ser exclusiva, para chamar o cliente ao seu site e fazer com que ele finalize a compra.

Ao impactar uma pessoa que já procurou efetivamente pelo seu produto ou serviço, você aumenta as chances de conversão, afinal, aquele consumidor está realmente interessado no que você está vendendo.

Agora que você aprendeu que o remarketing dinâmico não é nenhum tipo de mágica, que tal testá-lo com a sua empresa? A estratégia faz com que seu consumidor se lembre do seu produto depois de procurá-lo, fazendo com que a eficácia da sua campanha seja ainda maior.

Quer saber mais sobre o remarketing dinâmico e outras estratégias de marketing digital para sua empresa? Siga a GhFly nas redes sociais e conheça as possibilidades de divulgação da sua marca!

 

Manual-seo