Nos segmentos de marketing digital, não é novidade que as pessoas reagem de maneiras diferentes aos mesmos estímulos, e é por isso que uma campanha pode provocar recepções diversas, de acordo com a personalidade de cada indivíduo exposto. Dessa forma, um conceito muito importante a ser lembrado na hora de pensar em como sua audiência pode responder às suas estratégias é o de Social Styles.

Neste post, vamos explicar o que são e como cada um dos Social Styles devem ser trabalhados em suas próximas campanhas. Boa leitura!

O conceito de Social Styles

Nos anos 80, os psicólogos David Merril e Roger Reid fizeram uma série de estudos behavioristas (focados no comportamento interpessoal) com grandes grupos populacionais em vários tipos de ambiente. Posteriormente, traçaram quatro grandes perfis comportamentais — os Social Styles —, nos quais a maioria das pessoas se encaixa de forma bastante precisa em algum.

Esses perfis vêm sendo utilizados com grande sucesso em vários campos profissionais, onde o RH de inúmeras empresas avaliam seus empregados, manejando seus campos de trabalho de acordo com seus perfis sociais.

No marketing, esse conceito é habilmente colocado em prática na hora de montar estratégias de campanhas, setorizando eficientemente uma audiência, a fim de que cada perfil seja abordado da maneira mais eficiente possível.

Segundo o trabalho de Merril e Reid, existem quatro grandes tipos de perfil comportamental:

  • Analítico;
  • Amável;
  • Condutor;
  • Expressivo.

Vamos falar um pouco das particularidades de cada Social Style e mostrar como eles reagem a certos tipos de investida em um contexto de marketing.

O Analítico: racionalidade e temperança

Clientes de perfil Analítico são extremamente racionais em tudo que fazem, sendo sérios, equilibrados e objetivos. Dessa forma, ao realizarem uma compra, fazem extensas pesquisas, buscando pelos fatos mais relevantes de maneira quase obsessiva.

Além disso, os Analíticos tendem a não dar muita importância à opiniões alheias, sendo mais resistentes que a média ao “boca a boca”. Quase sempre suas compras não são impulsivas, sendo precedidas de grandes reflexões e comparações.

A melhor forma de atrair um possível cliente Analítico é ser brutalmente honesto em relação aos serviços e produtos oferecidos, dando uma grande quantidade de detalhes, informações técnicas e peculiaridades destes para o seu deleite.

Lembre-se que pessoas desse perfil têm um ritmo mais lento e não responderão bem a uma rápida sucessão de informações, ou seja, eles devem ser lentamente nutridos e instigados.

O Amável: relações de confiança a nível pessoal

Pessoas com o perfil Amável valorizam acima de tudo suas relações interpessoais e dão grande importância às opiniões de seus grupos e de indivíduos em quem confiam. Assim como o grupo anterior, tendem a não tomar decisões precipitadas, preocupando-se em formar laços profundos de confiança e honestidade em qualquer situação social que se encontram.

Em uma campanha de marketing, uma empresa que busque impactar uma audiência desse perfil deve, primeiro, criar fortes pontes de diálogo com ela. Antes de desnudar informações sobre produtos e serviços, a empresa deve mostrar-se uma entidade confiável, respeitosa e simpática para com esse tipo de cliente.

Por outro lado, os Amáveis são extremamente suscetíveis ao boca a boca, então, se você conseguiu conectar-se com um integrante desse perfil, existem boas chances que o mesmo aconteça com outros mais rapidamente que o normal.

É importante lembrar que esse Social Style é inseguro e evita conflitos francos, logo, devem ser abordados com extrema cautela e simpatia.

 

 

ebook_social-ads-facebook-ads

 

O Condutor: liderança e controle

Indivíduos pertencentes ao perfil comportamental Condutor são aficionados com o controle, buscando sempre estar na crista da onda em qualquer situação. Tomam decisões rapidamente e correm incessantemente atrás de seus objetivos, quase sempre de forma independente.

Por isso, um serviço ou produto oferecido a um Condutor em uma campanha de Marketing deve ser conciso, mas, ao mesmo tempo, extremamente atrativo.

Não se preocupe tanto em criar uma relação sólida com esse tipo de audiência: sua prioridade deve ser mostrar a ela algo absolutamente irresistível. Com essa fase bem sucedida, garanta que os Condutores terão espaço e oportunidades para chegarem até você rapidamente.

Mas não ache que por serem mais decisivos e impulsivos, os Condutores sejam fáceis de “enganar” — eles também guiam-se pragmaticamente através de informações e detalhes mais escondidos.

Entretanto, conquistar pessoas desse Social Style é extremamente benéfico a uma empresa, já que suas posições de liderança e dominância provavelmente instigarão outros indivíduos a seguirem suas ações — inclusive suas compras.

O Expressivo: persuasão e comunicação ampla

O perfil Expressivo conta com pessoas de alto poder comunicativo, que utilizam suas habilidades sociais para criar relações de poder positivas e aumentar seu reconhecimento em certo grupo. Com grande ambição, os Expressivos lançam mão de seu carisma, entusiasmo e estratégias de reconhecimento para chamar atenção para si e conseguir grandes poderes de alavancagem social.

Ao lidar com esse Social Style, uma empresa precisa dedicar grande parte de seu escopo e habilidades de relação. Os Expressivos devem ser mimados em certa escala para que sintam-se confortáveis para dialogar com sua marca, onde suas opiniões e questionamentos são imensamente valorizados e levados em conta.

As campanhas que visam impactar pessoas Expressivas devem ser dinâmicas, interessantes, além de abertas a inputs e demandas específicas.

Além disso, tenha em mente que esse tipo de perfil pode influenciar um enorme número de pessoas posteriormente, portanto, devem ser agradados e colocados em uma relação empresa – audiência confortável e excitante. 

Os Social Styles a seu favor: modulando suas campanhas de marketing

Ter o conhecimento dos diferentes Social Styles e de suas particularidades pode ser incrivelmente poderoso na hora de planejar uma campanha de marketing.

Ao saber quais os “pontos fracos” e resistências de cada perfil, você tem a capacidade de tornar suas estratégias mais flexíveis a diferentes públicos, que responderão de maneira mais positiva a estímulos variados, evitando que sua empresa se depare com situações em que uma audiência é completamente não-responsiva e inerte.

Portanto, não hesite em modular e alterar características centrais de suas campanhas a fim de atingir um certo Social Style com maior impacto, tendo em mãos as peculiaridades de cada tipo. Suas próximas investidas só têm a ganhar com isso.

E aí, está confortável para utilizar o conhecimento de Social Styles para tornar suas campanhas mais atraentes? Conte-nos de suas experiências! Se você gostou desse post, aproveite também para curtir nossa página no Facebook para ficar por dentro de mais assuntos legais como esse! Até a próxima!