As redes sociais estão em constante mudança, e isso não é por acaso. Uma plataforma que não muda vai perdendo seu “charme” e corre sérios riscos de ser trocada por outra mais nova com diferentes recursos. O Facebook, por ser a rede social mais popular do mundo, sofreu várias mudanças em 2016 e muitas delas afetaram o comportamento do usuário e das empresas na plataforma.

Leia o texto e veja como as novas funções do Facebook podem ser úteis para a sua empresa!

1. Fotos e Vídeos em 360º 

Sabia que é possível publicar fotos em 360º no Facebook? Nem todo mundo possui uma câmera capaz de reproduzir imagens do gênero ainda, mas muitos aplicativos dão aos smartphones a capacidade de fotografar ou até mesmo filmar em 360º.

E qual a vantagem disso?

Algumas empresas de arquitetura e profissionais do setor imobiliário, por exemplo, já estão usando o novo recurso para compartilhar imagens completas de ambientes como salas e quartos para atrair a atenção do público.

Mas não pense que este é o único segmento que está aproveitando essa novidade. Eventos estão usando vídeos em 360º para mostrar suas estruturas no Facebook e até mesmo lojas podem aproveitar a função para exibir seus ambientes de uma maneira diferente. 

Com certeza vale a pena dar atenção às funções em 360º.

2. Reações (Reactions)

Desde o começo do ano o Facebook adotou um sistema de reações para dar uma incrementada no famoso “curtir”. A mudança pode ter passado despercebida para algumas empresas, mas não para os usuários, que realmente estão expressando suas emoções por meio dos tipos de curtida.

Um uso bem legal para essa função é a de enquetes simples dentro da plataforma. Basta pedir para que o público vote em determinadas opções usando os diferentes tipos de curtida. Simples, não é? 

Além de ser algo rápido para o usuário, isso lhe ajudará a aumentar seu alcance dentro do Facebook caso a votação seja um sucesso. 

3. Robôs do Facebook Messenger

Você já deve conhecer o Messenger, aplicativo do Facebook que pode ser usado para bater um papo mesmo que você não esteja na rede social. Em abril, a empresa de Mark Zuckerberg lançou uma plataforma específica para a criação de robôs e aplicativos para o chat.

E o que isso significa?

Empresas já estão usando a nova plataforma para criar chats inteligentes que atendem o público automaticamente, capazes de exibir produtos e fechar vendas por cartão de crédito, tudo dentro do próprio chat.

A boa notícia é que essa é uma iniciativa de código aberto, ou seja, qualquer um pode contribuir e implementar novas funções para os chats. 

Além disso, vale dizer que há algum tempo o Facebook já trabalha com o recurso de respostas salvas, que funcionam como respostas-padrão que podem ser personalizadas de acordo com a sua necessidade e que são enviadas para o usuário com apenas um clique.

Se as respostas salvas já economizavam tempo para a sua empresa, imagine o quão úteis serão os robôs do chat. Vale muito a pena investir em qualquer estratégia que facilite a sua interação com o público.

4. Publicação de GIFs

Essa não é exatamente uma funcionalidade nova, mas com certeza merece ser comentada. 

O Facebook descobriu que o público reage muito bem a vídeos, mesmo quando estes não possuem áudio. Sabe o que isso significa? Significa que os GIFs, imagens contínuas que formam um tipo de vídeo, são uma maneira ainda mais fácil de atrair a atenção do público.

Publicar um GIF é bem simples: basta fazer o upload da imagem para algum domínio e, em seguida, colar o link dentro do Facebook.

5. Facebook Live

Essa função é extremamente poderosa e está recebendo cada vez mais investimentos do Facebook. As Lives são transmissões ao vivo realizadas dentro da rede social. 

A grande vantagem disso é que, além dos seguidores da página serem notificados pela plataforma quando há uma Live, ela também é uma ótima maneira de expandir o seu alcance, já que outros usuários que estão acompanhando seus feeds podem dar de cara com uma live que foi compartilhada.

Até mesmo os debates presidenciais dos EUA foram transmitidos ao vivo por vários veículos de imprensa com páginas no Facebook. Por serem ao vivo, elas geram um engajamento maior do público, que gosta de comentar os eventos em primeira mão e debater com outras pessoas.

Por enquanto, apenas tablets, smartphones e computadores realizam as lives, mas algumas páginas já estão recebendo acesso a programas que permitem que câmeras de drones e outros dispositivos sejam capazes de transmitir ao vivo para o Facebook. 

Vale notar que é possível fazer uma transmissão ao vivo para o Facebook e o Youtube ao mesmo tempo, atingindo dois tipos de público, desde que você tenha acesso a softwares de decodificadores e uma boa equipe de suporte.

6. Instant Articles

Como mais da metade dos usuários do Facebook acessa a plataforma por meio de dispositivos mobile, a rede social percebeu que a experiência dessas pessoas estava sendo comprometida por conexões instáveis e sites não otimizados.

Uma solução que também serviu para manter os usuários por mais tempo na plataforma foi a criação do recurso conhecido como Instant Articles, algo como “artigos instantâneos”. Com ela, artigos de blogs podem ser diretamente publicados dentro do Facebook. Mas, por que você deixaria de enviar pessoas para o seu site?

As publicações enviadas para dentro da plataforma são bem mais leves e otimizadas para o formato mobile, abrindo quase instantaneamente, sendo este o motivo pelo qual são chamadas de Instant Articles.

A grande proposta deste recurso é não perder visualizações por conta das más condições de internet ou de um site, então você, na verdade, estaria ganhando mais visibilidade ao usar o Instant Articles. 

Outra vantagem é o aumento do engajamento. O sistema de comentários de um site nem sempre é tão simples quanto um comentário de Facebook, então é muito mais provável que as pessoas comentem nos Instant Articles por conta da praticidade.

Alcançar um público que não seria completamente alcançado e ganhar mais engajamento com isso parece sim uma boa ideia. Para usar o recurso é preciso fazer um cadastro e instalar um aplicativo, caso seu site seja feito em WordPress. Para outros tipos de site existem APIs que permitem a utilização do recurso.

Ficar por dentro das funções do Facebook e outras redes sociais é extremamente fundamental para que a sua empresa continue a interagir com o público da melhor maneira possível no ambiente online.

Para não ficar desatualizado, que tal assinar a nossa newsletter gratuita? Você receberá todas as informações que precisa sem gastar tempo na internet à procura delas.